Salmo 28A
Melodia: Saltério de Genebra
Métrica: 9 9. 9 9. 8 8
Modo: hipodórico
Compositor: Louis Bourgeois, 1551
Harmonização: Claude Goudimel, 1564
Letra: Comissão Brasileira de Salmodia, 2021
1 Clamo ͜ a ti, meu Rochedo, Senhor
Não sejas surdo pra comigo
Pra que não aconteça, então,
Ao calares acerca de mim
Que semelhante seja eu
Aos que à cova descem, pois

2 Ouve, ͜ ó Deus, a voz do meu clamor
Quando a ti clamar socorro
E ͜ ao santuário ͜ erguer minhas mãos
3 Com iníquos não leves a mim
Falam de paz ao seu irmão,
Mas têm o mal no coração

4 Dá-lhes pago por seu proceder,
Pela malícia dos seus atos
E conforme o seu merecer
Segundo ͜ a obra das suas mãos
Oh, retribui-lhes, sim, ó Deus
Dá-lhes o pago, ó Senhor.

5 Não se ͜ atentam aos feitos de Deus
Nem ao que ͜ as suas mãos operam
Por isso, Deus os derribará
E não há de os reconstruir
6 Seja bendito Deus, Senhor,
Pois atendeu ao meu clamor

7 Minha força e ͜ escudo ͜ é ͜ o Senhor
Nele meu coração confia
Pois foi Ele que me socorreu
Por isso, ͜ exulta ͜ o meu coração
Portanto ͜ a ͜ Ele louvarei
Com meu cantar, sim, louvarei

8 Eis que ͜ a força do seu povo ͜ é Deus
Salva ͜ e protege ͜ o seu ungido
9 Do teu povo tu és salvador
Tua ͜ herança ͜ abençoa, Senhor
Teu povo vem apascentar
E para sempre ͜ o exaltar