Salmo 84B (harmônico)
Melodia: Llangloffan
Métrica: 7. 6. 7. 6
Compositor: D. Evans, 1865
Letra: Comissão Brasileira de Salmodia, 2010
Javé, Deus dos exércitos, oh, quão amáveis são
As tuas tendas, pelas quais meu ser suspiros dá
E o meu vigor se esvai pelos átrios do Senhor
Ao Deus vivente clamam minha carne e coração

Até o pardal pra si achou a casa pra morar,
E a andorinha encontrou um ninho para si
Que acolha os seus filhotes. Achei o teu altar.
Ó Senhor dos exércitos, meu Rei, meu Deus tu és

Os que habitam o lugar da casa do Senhor
Continuamente louvam Deus e bem felizes são
Feliz é o varão cuja força está em ti
E tem no coração caminho reto, puro e bom

O qual passando pelo vale estéril, seco e ruim
Faz dele manancial; e as chuvas bênçãos vêm trazer
De força em força, vão bem diante do Senhor,
Aparecendo cada um no monte de Sião

Senhor, Deus dos exércitos, escuta a oração
Ó Deus de Israel, concede ouvidos para mim
E volta o teu olhar, nosso escudo e proteção
Contempla, ó Senhor, o rosto do Ungido teu.

Um dia nos teus átrios vale muito mais que mil
É bem melhor na porta estar da casa do meu Deus
Do que permanecer junto às tendas do homem mau,
Pois o Senhor Javé é nosso Sol e proteção

Dá graça e glória o Senhor, pois Ele nenhum bem
Sonega aos homens que estão trilhando a retidão
Javé, Senhor das hostes, feliz é o homem que
Em ti confia para sempre, ó Deus de Israel!